Carros Bem Montados

A Koenigsegg recentemente revelou as especificações finais de produção do Gemera, um carro que foi inicialmente apresentado como um conceito em 2020. O Gemera é descrito como o primeiro “megacarro” de quatro lugares do mundo e é visualmente impressionante. No entanto, algumas mudanças foram feitas nas opções de trem de força em relação ao conceito original.

O conceito inicialmente apresentava um motor de três cilindros biturbo de 2.0 litros, conhecido como “Tiny Friendly Giant”, que produzia 600 cv, juntamente com três motores elétricos para tração nas quatro rodas, totalizando 1.700 cv. No entanto, a Koenigsegg introduziu a sua Light Speed Transmission (LST), que foi desenvolvida para o modelo Jesko. Após o desenvolvimento para o Gemera, a transmissão foi renomeada para Light Speed Tourbillon Transmission (LSTT).

Além disso, a Koenigsegg também criou um novo motor elétrico chamado Raxial Flux, uma combinação inteligente de tecnologias radiais e axiais, que foi batizado de “Dark Matter”. Apesar de pesar apenas 39 kg, o motor Dark Matter gera impressionantes 789 cv por conta própria. Combinado com o motor Tiny Friendly Giant, o Gemera terá um total de 1.381 cv e 1.364 lb-ft de torque.

Embora a potência total seja um pouco menor do que a do conceito, a Koenigsegg afirma que essa nova configuração torna o trem de força mais leve, compacto e envolvente. A aceleração e o desempenho do Gemera foram significativamente melhorados em relação à versão anterior, que já era extremamente rápida e potente.

Para aqueles que desejam um desempenho ainda mais agressivo, a Koenigsegg adicionou uma versão adaptada do motor V8 twin-turbo de 5.0 litros do Jesko atrás da segunda fileira de assentos. Conhecido como Gemera HV8 (Hot V8), esse V8 produz 1.479 cv e é combinado com o motor Dark Matter, resultando em uma potência total de 2.269 cv. O Gemera HV8 se torna assim o carro de produção mais potente e extremo do planeta Terra.

Além da potência impressionante, o Gemera também oferece praticidade. Possui uma bateria de 14 kWh, caixas de câmbio de nove marchas, tração nas quatro rodas com vetorização de torque para cada roda individual e 200 litros de espaço de armazenamento. O interior é espaçoso e inclui recursos como conectividade Apple CarPlay, suportes Isofix para cadeiras de crianças, suportes para rack de teto e assentos aquecidos e ajustáveis eletricamente.

O Gemera será produzido em um novo prédio chamado “Gripen Atelier”, localizado no Koenigsegg Campus em Ängelholm, na Suécia. A produção está programada para começar no final de 2024, com as entregas aos clientes previstas para o início de 2025.

Em resumo, o Gemera oferece opções de trem de força impressionantes, combinando motores a combustão interna e elétricos para oferecer desempenho excepcional. Além disso, possui características práticas que o tornam um carro esportivo único.

Compartilhe: 

Recomendamos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *